quinta-feira, 31 de maio de 2012 às 18:48 Postado por Leonardo Peixe 0 Comments


A Warner Home Entertainment anunciou o lançamento de uma das séries mais celebradas pelos maiores de 25 anos.  "Thundercats" finalmente sairá no Brasil em DVD.  O melhor é que será tanto a série clássica quanto o reboot exibido pelo Cartoon Network.

O desenho original terá um DVD duplo contendo 12 episódios.  Infelizmente, assim como fez com outras animações clássicas (Tiny Toons, O Laboratório de Dexter), a série será lançada em partes.

As opções de áudio são em inglês e dublado em português.  Também haverá legendas em nossa língua e em inglês.  O preço sugerido para as lojas é de R$ 39,90.

Quanto ao reboot, pouca informação foi passada, mas seguirá o esquema partido como o desenho oitentista.  O Nerd Etílico, semanalmente, posta reviews sobre os episódios.

O lançamento de ambos os DVDs estão marcados para 19 de julho.  Abaixo você confere as capas dos produtos.




às 18:14 Postado por Leonardo Peixe 0 Comments



TÍTULO:  HOMECOMING

Mesmo destruindo o Farol, Hal Jordan não impediu que Atrocitus invadisse o espaço de Oa.  A invasão está a um passo de acontecer.  Para piorar a situação, o primeiro Lanterna Vermelho com a ajuda de Drusa toma controle de Aya e da nave Interceptor.  Com sede de vingança, o inimigo avança em direção dos Guardiões.

Tudo isso aconteceu no final do episódio passado.  Desta vez, Hal inventa um plano para tentar chegar mais rápido no planeta sede dos Lanternas Verdes com a ajuda das Safiras Estrelas de Zamaron.  Sua missão agora é parar Atrocitus de uma vez por todas!


Entretanto, Kilowog permanece na divisa entre a Zona Esquecida e o Espaço Oano para tentar segurar as tropas vermelhas.  Quando tudo parece perdido, o porcão acaba se aliando ao Santo Andarilho que se tornou-se o primeiro Lanterna Azul!  Junto com ele, um outro LV aparece.

As últimas aventuras da temporada conseguiram encobrir as falhas tanto de roteiros fracos quanto de texturas mal feitas.  As explosões deram um enorme salto de qualidade junto com os efeitos de iluminação.


Ainda é possível perceber algumas movimentações estranhas, principalmente nas personagens femininas.  Mas nada que atrapalhe a diversão.  Alias, elas detêm uma grande importância neste episódio.

Carol Ferris ganha mais destaque e tem uma missão bem relevante.  Já a relação entre Aya e Razer dá um vislumbre de que, futuramente, algo mais sério vai acontecer entre os dois.


Algumas perguntas ainda permanecem no ar como o paradeiro de Ganthet.  O ex-Guardião de Oa foi banido por Appa em "Regime Change".

Com bons momentos de ação, a animação termina a temporada em grande estilo.  Restam muitas histórias sobre os Lanternas Verde para serem contadas na telinha.  E nós, fãs, aguardamos com ansiedade!

Nota:



às 11:00 Postado por Leonardo Peixe 0 Comments



TÍTULO:  LISA GOES GAGA

Conforme já noticiado aqui no site, o último episódio da 23ª temporada de "Os Simpsons" traz uma convidada especial.  A pop star Lady Gaga empresta sua voz para bem... ela mesma em "Lisa Goes Gaga".

A história começa anunciando uma mudança que está por vir.  Até as galinhas começam a dar ovos brilhantes quando o Expresso Gaga passa por Springfield.  Conhecida como "a cidade de maior baixo auto-estima", Lady Gaga se sensibiliza e decide parar no local para levantar a moral dos "monsters".

Enquanto isso, na Escola Primária, Lisa Simpson recebe o troféu de menos popular.  Arrasada, a pequena nerd C.D.F. entra em crise.  Gaga pressente que a garotinha precisa de ajuda e acaba na casa da família mais louca da TV!


O roteiro tem bastante trocadilho com as músicas da cantora e com palavras em inglês.  Um dos melhores é quando a musa Pop diz para seu empregado que não aceita desculpas para parar em Springfield.  Ela solta um "no buts" e vira o bumbum magro para câmera.  Sonoramente, a expressão em inglês se assemelha a "sem bunda".

Durante os créditos tem a imperdível versão de "Poker Face" cantada por Homer e intitulada "Homer Face".  Simplesmente hilária!

Outro ponto interessante é ver Lady Gaga sempre com uma roupa diferente em cada cena.  Ela aparece vestida com buzinas, coberta por um bando de beija-flor e o noticiado modelito de carne crua usado na premiação VMA de 2010.  Homer, claro, não deixaria passar batido e se apressa em fazer um churrasco rápido com o vestido!


As piadas não param e El Barto apresenta a Baby Gugu!  Na verdade, o enfezado vestiu Maggie com roupas espalhafatosas e colocou duas chupetas como se fossem os seios de Gaga!

O episódio conta com dois momentos mais polêmicos.  Lady Gaga tem um embate teológico com Ned Flanders.  O vizinho diz que a convidada é um mal exemplo para os jovens.  A dama responde que só tenta fazer as pessoas se sentirem bem com sua música.  O outro é um beijo entre a cantora e Margie Simpson!


Com boas piadas e uma participação ativa de Lady Gaga, o season finale só não é melhor porque os personagens mais baderneiros (leia Homer e Bart) tem participações menores.  Ah! E tentem encontrar o Grinch (aquele bicho verde interpretado por Jim Carrey nos cinemas) na comitiva de recepção da cantora!

Nota:






às 07:00 Postado por Leonardo Peixe 0 Comments



TÍTULO:  BENEATH

O novo episódio de "Young Justice Invasion" é dividido em duas partes.  Na trama principal, um Esquadrão Alfa feminino é formado para tentar descobrir quem está ligado à bomba alienígena que explodiu a Ilha Malina.  Paralelamente, o Besouro Azul procura por um amigo desaparecido.

Miss Marte, Batgirl, Moça-Marvilha e Abelha vão até Bialya em missão de reconhecimento para investigar a Rainha Abelha.  Porém, o lugar bem vigiado conta a presença de um grupo de super-vilões liderados por Psimon.


Enquanto isso, Jaime busca o paradeiro de Tye Longshadow que desapareceu em uma estação de ônibus.  O Besouro Azul desconfia que o namorado da mãe do amigo esteja envolvido no sumiço.  Porém, ele nem imagina que os destinos de Tye e da equipe Alfa estão cruzados.

O destino de Tye Longshadow, apesar de não existir nos quadrinhos, deve ser o de super-herói no estilo Chefe Apache.  Basta lembrar que em "Liga da Justiça Sem Limites" havia um herói chamado Long Shadow que pertenceu aos Ultimen e, mais tarde, à equipe de ouro dos super-heróis.

Finalmente o novo portador da tecnologia do escaravelho tem uma participação maior na série.  A relação do jovem com a I.A. do Besouro Azul rende bons momentos engraçados.  Entretanto, a agressividade do simbionte poderá trazer problemas para Jaime no futuro.


Quanto ao trabalho das garotas, por mais que elas ajam na surdina, o pau tem que cantar!  A luta não é das melhores.  Não por se tratar de mulheres lutando, mas pela escolha dos vilões.  Personagens como Devastação, Mamute e Cintila não representam um desafio à altura.

Vale ressaltar a alguns atributos da Abelha.  A heroína é uma cópia descarada da Vespa da empresa rival Marvel Comics.  Não só visualmente, mas também nos poderes.  Cara de pau, hein DC!

No final, a aventura novamente fala sobre o parceiro misterioso da Luz, a organização do mal.  O interessante é que ambas as tramas mostradas no episódio exigem que os heróis sejam sorrateiros.  Porém, mais perguntas são lançadas e fico imaginando se a animação não vai virar um Lost da vida...

Nota:


quarta-feira, 30 de maio de 2012 às 13:00 Postado por Leonardo Peixe 0 Comments



TÍTULO:  RECIPE FOR DISASTER

Desde o episódio anterior, a poeira voltou a baixar em "Thundercats".  Entretanto, os Cats enfrentam o seu grande vilão Mumm-Ra em uma versão Godzilla.  Além da batalha, Lion-O tenta dar início ao seu romance com Pulmyra.

Logo no início, Mumm-Ra alia sua alma ao de um antigo titã e parte para atacar os Thundercats.  Enquanto isso, Ponzi tenta vender seu elixir milagroso, mas tudo que consegue é reclamação dos clientes.


Porém, quando a carroça de Ponzi quebra, ele acaba tendo um encontro com Lion-O e seus amigos.  O que poderia ser um fato do acaso, acaba se tornando um elemento fundamental para destruir a nova forma de Mumm-Ra.

O relacionamento do Mestre dos Thundercats e Pulmyra dá seus primeiros passos.  Lion-O passa por diversos constrangimentos para conquistar a gata dos seus sonhos.  Fato que rende momentos hilários.


Um deles é a desmunhecada de Tygra após tomar uma poção do amor.  O tigre cheira florzinha, chama Panthro de "tolinho" e quer falar sobre sentimentos. Interessante é que Cheetara não está nem aí pro cara!  Namoradinha fuleira...

"Recipe for Disaster" faz uma grande homenagem ao longa "Mothra vs Godzilla" (1964) na batalha final.  Os roteiristas conseguem dar importância para personagens que parecem pequenos e, mais adiante, desempenham um papel fundamental na trama.


A aventura também faz referências aos filmes de faroeste.  O personagem Ponzi e sua lagarta Lucy caracterizam os vendedores de soluções fáceis através de elixir de efeito duvidoso.  Lembrando que assim foi criada a Coca-Cola!  Tirando as homenagens e referências, o episódio é pouco empolgante.

Nota:


às 08:00 Postado por Leonardo Peixe 0 Comments

A Ragtag Studio divulgou o primeiro trailer do game para iOS "Unstoppable Fist".  Resgatando os gráficos de 16 bits (Supernes, Mega Drive), a trama colocará o jogador na pele de Fist, um viajante intergaláctico que vem para a Terra para enfrentar um surto de zumbis.

Não são mortos-vivos como em "Resident Evil", mas galinhas e peixes que saíram do controle após uma estranha luz atingir nosso planeta.  Sua missão é do tipo survival, ou seja, derrotar hordas infinitas de monstros.

Confira a prévia abaixo:




Os gráficos lembraram bastantes os games da era DOS como "Full Throttle" e "Monkey Island".

Donos de um iPad, iPhone ou Mac poderão comprar "Unstoppable Fist" ainda neste ano.

terça-feira, 29 de maio de 2012 às 21:04 Postado por Leonardo Peixe 0 Comments


Tem gente que tem tantos problemas na vida que prefere viver bêbado a encará-los.  Pode incluir nesse quesito aquele bebum do seu bairro ou um policial durão como Max Payne.  Mas o cara tem motivos de sobra para tomar todas!

Payne cresceu vendo a mãe Helen apanhar de seu pai ausente e ex-combatente do Vietnã.  Para aliviar a tensão, sua genitora mergulhava em uma garrafa de "Gold Touch Brand".  O vício trouxe a morte para  Helen e a vingança para Max.  Para mais detalhes, leia a HQ online!  Don't panic!  É de graça. ;)


Já adulto, virou policial, casou, foi pai de uma menina e vivia feliz.  Mas a vida é uma caixinha de surpresas!  Após um dia de trabalho, nosso Joseph Climber chega em casa e encontra toda a sua família assassinada.  O que aconteceu?  Álcool na cabeça pra esquecer a dor da perda.  

Somente uma coisa faz Max Payne abandonar a birita:  uma boa vingança!  O cara deixa tudo para trás quando empunha uma arma.  Foi assim nos dois primeiros games e continua no mais recente "Max Payne 3" lançado neste mês.


Até suas aventuras nos quadrinhos demonstram sua predileção etílica no ínterim de uma batalha.  Claro que o drink tem que ser um whisky "Kong" cujo rótulo traz um gorila gritando!  Não é uma dinamite pangaláctica, mas dá um barato!

Eleger Max Payne como o Mestre Etílico de Maio é apenas uma singela homenagem ao personagem que já nos rendeu horas de boa jogabilidade e enredos de prender a atenção até o último minuto.  Pena que sua versão cinematográfica não chegue aos pés do original.


Para você entender um pouco da relevância da criação de Sam Lake (que emprestou suas feições para o personagem no primeiro game), Payne já foi eleito o melhor personagem de game em 2001 pela revista Eurogamer.  Também está no livro anual "Guinness World Records" como o 42º melhor personagem de game de todos os tempos!

Enquanto Payne existir haverá dor e álcool em sua vida.  Mas também terá um par de pistolas para vingar os indefesos.  O Justiceiro que se cuide...

às 18:13 Postado por Leonardo Peixe 0 Comments



TÍTULO:  FIELD TRIP

Certamente, a última semana não foi de sorte para o Poderoso Thor.  Sua aventura solo na animação "Os Vingadores - Os Maiores Heróis da Terra" teve a participação de Bill Raio Beta, um dos personagens mais odiados pelos fãs do filho de Odin.  Porém, a série animada do Homem-Aranha conseguiu ir além...

Em mais um episódio fraquíssimo, o Deus do Trovão aparece em sua forma mais infeliz:  o Sapo Thor!  Antes que você pense que tal aberração é uma ideia de girino dos roteiristas do seriado, é bom saber que isso já aconteceu nos quadrinhos.  Mas era melhor ter deixado quieto!


Na trama, Peter Parker e sua equipe fazem uma visita ao museu.  Lá, encontram um artefato de Asgard (o reino de Odin) que é lido pelo Punho de Ferro.  O jovem acaba invocando um Gigante de Gelo para o local.

Após apanhar feio, eis que o time ganha reforço com a chegada de Thor.  Ao derrotar o vilão, Odinson cai em uma armadilha feita por Loki e acaba virando um sapo.  Mesmo em forma de anfíbio, o herói une-se à equipe do Cabeça de Teia para pôr um fim nos planos de seu irmão.


O episódio volta a jogar inserts cômicos, porém com estilos de desenho diferentes em cada um deles.  Ainda assim, os diálogos possuem as piores piadas já pensadas para o Aranha.  Há uma cena em que o Amigão da Vizinhança repete uma surra levada pelo Nova em slow motion.  Fora o movimento de "câmera", não há mais nada de interessante.


Ver Loki, o Trapaceiro, ser enganado por um bando de adolescentes é um insulto à inteligência de qualquer nerd!  O nêmeses de Thor aparece como um vilão de quinta cheio de frases prontas e discursos batidos.  Logo ele que ganhou tanta moral no longa "Os Vingadores".

"Field Trip" consegue acabar com a reputação do Thor, desmoralizar Loki e ter o título de pior crossover da série até o momento.  Não será a toa se um raio cair na cabeça dos roteiristas do episódio...

Nota:


"Os Vingadores" foi a melhor adaptação de quadrinhos para o cinema deste ano.  Mas a equipe da Marvel tem dois fortes candidatos pela frente.  "O Espetacular Homem-Aranha" e "Batman - O Cavaleiro das Trevas Ressurge" estão para estrear e podem bater de frente com Homem de Ferro e sua turma.

Hoje, novos vídeos dos longas foram divulgados.  O Cabeça de Teia ganha um novo trailer sensacional cheio de ação e mistério.  Já o Homem Morcego tem o quarto comercial para a TV lançado, mas ainda assim não mostra muita coisa.  Tomara que o Christopher Nolan esteja guardando seja bom.

Confira as prévias abaixo:










"O Espetacular Homem-Aranha" estreia em 06 de julho e "Batman - O Cavaleiro das Trevas Ressurge" no dia 27 do mesmo mês.  A disputa Marvel / DC nos cinemas vai estar acirradíssima!

domingo, 27 de maio de 2012 às 21:09 Postado por Leonardo Peixe 0 Comments


TÍTULO:  THE BALLAD OF BETA RAY BILL

A animação dos Vingadores dá uma pausa na invasão skrull para se concentrar nas aventuras de Thor.  O deus do trovão irá encontrar um ser capaz de empunhar o martelo Mjolnir!  Seu nome?  Um tal de Bill Raio Beta.  Conhece?

Assim como nos quadrinhos, o personagem é um alienígena da raça korbinita.  Bill teve sua estrutura alterada para ser o guardião de seu povo cujo planeta foi dizimado por Surtur.  O vilão será a ponte de ligação entre Bill e Thor.


Como ficamos sabendo no episódio 03 desta temporada ("Acts of Vengeance"), o demônio de Muspelheim acabou escapando do selo de Odin após o Barão Zemo usar a pedra de Norn para trair Encantor. Isso ainda na temporada passada.  Porém, a loirinha acabou virando lacaia de Surtur e mostrará seu poder nesta aventura.


Nas subtramas, vemos Thor pensando em Jane Foster e um pouco dos ciúmes de Sif pelo filho de Odin.  Entretanto, a guerreira de Asgard acaba encontrando um interesse amoro para lá de estranho.  

Também ficamos sabendo que o Pai de Todos não está com força suficiente para enfrentar Surtur.  Isso pode ser um sinal de que Thor não aparecerá nem tão cedo na Terra.


Voltando ao personagem apresentado, Bill Raio Beta é uma figura da galeria do universo de Thor que não tem muito apreço pelos fãs do herói.  A maioria acha apelação o fato dele conseguir usar Mjolnir.  A solução achada, tanto nos quadrinhos quanto na animação, foi dar à Bill o seu próprio martelo: o Rompedor de Tormentas.

"The Ballad of Beta Ray Bill" acalma um pouco o clima tenso dos skrulls e expande mais a mitologia de Thor.  A trama não é um primor, mas segue (quase) à risca o que se passou nos quadrinhos.

Nota:



quinta-feira, 24 de maio de 2012 às 17:52 Postado por Leonardo Peixe 0 Comments



TÍTULO:  INVASION

O corre-corre toma conta do novo episódio da série animada do Lanterna Verde!  Hal Jordan e sua equipe continuam a missão de tentar destruir o Farol.  Enquanto isso, o vilão Atrocitus captura Byth Rok e tortura o thanagariano em busca do código para atravessar a barreira de asteroides.

Voltamos ao planeta Mogo, o Lanterna Verde eleito no capítulo 06 ("Lost Planet"), onde tanto os Verdes quanto os Vermelhos ganharão aliados.  O mais importante acontecimento do local é o reaparecimento do Santo Andarilho.


Enfim, ficamos sabendo que ele deverá encontrar o Salvador da Galáxia.  Mas para isso, Mogo o envia em missão que irá testar o limite de sua esperança.  O passado do Santo Andarilho também é contado e tem relação com os Lanternas Vermelhos.

Falando neles, os escarlates têm um papel importante na trama.  Atrocitus posiciona toda a sua tropa para preparar a invasão ao espaço de Oa.  A partir daí, inicia-se uma grande correria cheia de momentos de tensão.



Aya prova seu valor para a equipe e sai do mero papel de sub-coadjuvante para encarar uma missão perigosa.  Ela atua em uma cena chave do episódio que culmina em uma corrida de naves sensacional!

"Invasion" termina de maneira surpreendente, mas condizente com o que acontece ao Santo Andarilho.  As peças começam a se encaixar no grande quebra-cabeças montado desde o início da série.

Nota:



às 11:00 Postado por Leonardo Peixe 3 Comments



TÍTULO:  SALVAGE

O ínterim de cinco anos entre uma temporada e outra, de fato, é o impulsionador da trama em "Young Justice Invasion".  No novo episódio, a invasão kroloteana é de lado para se concentrar no drama de Arsenal.

O ex-parceiro do Arqueiro Verde descobriu (no season finale) que era um clone do verdadeiro Roy Harper.  Ele jurou achar o original, mas não obteve sucesso.  Como os principais membros da Liga da Justiça deixou a Terra na aventura passada, os remanescentes e os amigos da Justiça Jovem tentam fazer Arsenal seguir em frente.


Paralelamente, Superboy e Besouro Azul saem no encalço da Intergangue, uma equipe especializada em contrabandear tecnologia alienígena.  O clone do Superman com Lex Luthor descobre que Whisper A'Daire e Bruno Mannheim vão atuar naquela noite.  Porém, a dupla de heróis não desconfia que o alvo do ataque é a Sala da Justiça.

O escudo Zeta é ativado evitando a entrada e saída de alienígenas da Terra sem autorização da Liga.  Esse é o único fato supostamente ligado à invasão.

Enfim, Wally West faz sua aparição na série.  Ele deixou o manto do Kid Flash e vive com Artemis.


Outra aparição de destaque é o Applexiano que falei no post passado.  O alien é ativado pela Intergangue com um dispositivo vindo de Apokolips.  O Superboy dá um pequeno perfil sobre a raça.

O Mestre do Esporte também dá as caras ao lado de um misterioso novo parceiro.  Será que é o Darkseid?

O episódio todo instiga a busca de mais respostas aos cinco anos que se passou.  O final traz revelações surpreendentes sobre o Arsenal.  Quase deixei de falar da menção a Ted Kord, o segundo Besouro Azul que faleceu nos quadrinhos.  Na série, o herói também teve um destino fatídico nas mãos da organização Luz.

Nota:


às 08:00 Postado por Leonardo Peixe 0 Comments



TÍTULO:  THE FOREVER BAG

Depois dos eventos emocionantes do últimos episódios, "Thundercats" dá uma pausa para uma aventura mais leve.  Estrelada por Willykit e Willykat, os irmãos voltam à vida de roubos com a ajuda de Tookit.

O guaxinim ladrão que apareceu em "The Pit" volta a atacar.  Desta vez, ele convence a dupla de gatinhos a praticarem uma série de roubos junto com sua gangue de pivetes.  Tookit revela como consegue desaparecer tão rápido após os furtos.


Ele é dono da Mala Eterna, um artefato mágico que pertenceu a Mescobath, o Rei dos Ladrões.  Porém, a sacola foi roubada até cair nas patas do bixinho larápio.  Em meio aos roubos, Kit e Kat começam a questionar se o que estão fazendo é mesmo certo.

A simplicidade do episódio é a sua maior diversão.  Nada de cenas de lutas.  Apenas um conto sobre moralidade com boas doses de aventura.  Entretanto, ele chega meio deslocado já que a disputa entre Lion-O e Mumm-Ra estava em seu ápice.


Quem não lembra muito do episódio 19, as informações mais importantes são reapresentadas.  Como o fato de Tookit ser um clepto-vidente, ou seja, ele rouba apenas aquilo que terá alguma utilidade futuramente.

A trama é bem amarrada, leve e com uma lição de moral.  Mas ainda fica aquela sensação de que fomos levados de volta para a Cidade dos Cães em vão...

Nota:


quarta-feira, 23 de maio de 2012 às 20:38 Postado por Leonardo Peixe 0 Comments



TÍTULO:  BACK IN BLACK

Um dos piores episódios de "Ultimate Spider-Man" foi o que reconta a origem de Venom.  Muito pelas "licenças poéticas" que deturparam a mitologia do personagem.  Pois o vilão volta a aparecer na série animada em mais uma aventura pouco empolgante.

Peter Parker está gripado.  O fato tenta criar fatos engraçados, mas sem nenhum sucesso.  Sem poder atuar com afinco como o Homem-Aranha, eis que surge um concorrente:  o Aranha Negro.


Ao contrário do que rola com o Amigão da Vizinhança, o novo herói cai nas graças do público e da mídia (leia-se J. Jonah Jameson).  Até a equipe da S.H.I.E.L.D. acha o novato mais legal que o velho HA.

Porém, Parker acaba descobrindo que o seu rival é na verdade Harry Osbourne!  Agora, ele terá que lutar para livrar seu melhor amigo da influência do ser criado pelo dr. Octavius.


O melhor momento do episódio é quando mostra o que aconteceria se Peter revelasse sua identidade secreta. Pena que a piada é repetida por preguiça dos roteiristas...

No mais, a trama foca um pouco mais no relacionamento conturbado entre Harry e seu pai Norman Osbourne.   Assim como nos quadrinhos e nos filmes, o jovem quer a admiração do genitor a todo preço.  Isso inclui usar o simbionte.


Falando no inimigo, uma de suas principais fraquezas é alterada.  No lugar do som, Venom agora é derrotado com choque elétrico.  Outra "licença poética"...

O vilão vai mudando sua força (e consequentemente seu visual) conforme se alia ao seu hospedeiro.  Se fosse melhor explorado, poderia ser uma boa contribuição para o personagem.

"Back In Black" retoma todos os recursos visuais dos episódios anteriores.  Junto com eles, traz a mesmice das histórias insossas, piadas enfadonhas e o desrespeito à mitologia dos personagens.

Nota:


    Perfil

    Minha foto
    Analista de Sistemas, jornalista, fã de Star Wars e cultura NERD.

    Frequentadores